Os alunos do 1º e do 3º ano do Curso Profissional de Técnico de Turismo Ambiental e Rural deslocaram se a aldeia de xisto da Água Formosa, realizando um percurso pedestre respectiva aldeia. O que inicialmente estava previsto uma actividade de anilhagem científica de aves, com a presença de membros da Associação Portuguesa de Anilhadores de Aves, tornou se num percurso pedestre de carácter lúdico e pedagógico, onde os alunos puderam, com acompanhamento e conhecimentos do guia, descobrir as maravilhas naturais existentes e perdidos nesta aldeia, que servem de recanto a espécies de fauna como o esquilo vermelho (Sciurus vulgaris), e como o emblemático Guarda-rios (Alcedo atthis), espécies visualizadas na aldeia. Esta actividade, está inserida na Prova de Aptidão Profissional do aluno João Fernandes, do Curso Profissional de Técnico de Turismo Ambiental e Rural da Escola Tecnológica e Profissional da Sertã, que está a desenvolver o tema “Á descoberta do Birdwatching em Vila de Rei”, onde o aluno se auto propôs a desenvolver um conjunto de iniciativas que vise a sensibilização e cimente todas as práticas associadas ao turismo ornitológico, um tipo de turismo que cresce em Portugal com números significativos, e de uma outra forma, implementar conhecimentos neste campo que conjugou ao longo da duração do Curso, podendo contribuir com o enriquecimento do desenvolvimento local. Fica no final, o agradecimento a Câmara Municipal de Vila de Rei e a Junta de Freguesia da Sertã por todo o apoio demonstrado durante toda a actividade.

Os alunos do 1º ano do Curso Profissional de Técnico de Turismo Ambiental e Rural da Escola Tecnológica e Profissional da Sertã realizaram na passada 2ª feira, dia 4 de Fevereiro, um percurso interpretativo ao Alto da Bela Vista, uma actividade realizada no âmbito do módulo “Estrutura e Dinâmica dos Ecossistemas”, da disciplina de Ambiente e Desenvolvimento Rural. Esta actividade teve como objectivos principais sensibilizar os alunos para a preservação e conservação das espécies existentes nos vários ecossistemas visualizados ao longo do percurso, contribuir para a aquisição de conhecimentos na óptica da identificação de espécies florísticas, assim como facultar aos alunos conhecimentos na óptica da identificação de espécies.

Realizado no âmbito da disciplina de Ambiente e Desenvolvimento Rural, os alunos do 2º ano do Curso Profissional de Técnico de Turismo Ambiental e Rural realizaram na passada manhã do dia 13 de Fevereiro, um percurso pedestre “Trilho do Zêzere”, em Pedrógão Pequeno. Esta iniciativa, inserida do módulo “Caracterização da Actividade Agrária Portuguesa”, teve como principais objectivos em que os alunos pudessem compreender a paisagem rural da região, enquanto resultante da actividade do homem nas suas actividades rurais, designadamente na sua actividade agrária, assim como reconhecerem a importância que a agricultura, os seus produtos e as suas tradições, têm na preservação do nosso património e na procura de um desenvolvimento mais equilibrado entre o litoral e o interior, com está implícito durante os 9400 metros deste percurso, em parte percorrido junto do Rio Zêzere. Inserido no plano de actividades da Escola, esta actividade reforçou o plano de actividades de complemento de formação ao referido curso. Fica no final, um especial agradecimento pela participação e ajuda no transporte dos alunos, á Junta de Freguesia da Sertã.

Inserido no plano de actividades da ETPS (Escola Tecnológica e Profissional da Sertã), os alunos do 2º e 3º ano do Curso Profissional de Técnico de Turismo Ambiental e Rural visitaram no passado dia 2 de Fevereiro, a FITUR - Feira Internacional de Turismo de Madrid, que se realizou de 29 de Janeiro a 3 de Fevereiro, em Ifema, Madrid.


 Esta visita, enquadrada no âmbito das disciplinas de Ambiente e Desenvolvimento Rural, Turismo e Técnicas de Gestão e Inglês, permitiu aos alunos terem a oportunidade de conhecer a oferta de empresas turísticas de diversos países, bem como as respectivas relações comerciais e ainda os vários suportes promocionais presentes, assim como poderem analisar as diferentes formas de organização das empresas de turismo que ali estavam presentes, verificando a dinâmica constante que o sector turístico estabelece. Ainda durante a visita a Espanha, os alunos tiveram no 2º dia, a oportunidade de conhecer Ávila, local de caracter histórica e cultural, considerado património da Unesco em 1985.


                      Logos

  Copyright © 2012 ETPS-Escola Profissional da Sertã. Todos os direitos reservados.